Postado em 16/05/2019

Especialista em Joelho Brasília - Dr. Márcio Silveira

Compressas frias ou quentes são aliadas em diversos tratamentos, mas para que sejam eficazes, é necessário saber qual é a mais indicada para cada situação.
São anti-inflamatórios naturais, pois aumentam a circulação local, a compressa fria através do efeito rebote, quando retira a compressa, e compressa quente pelo efeito vasodilatador direto, trazendo mais células sanguíneas para o local do trauma.
Compressa Fria:
-Primeiras 48 horas após um trauma (queda, pancada, entorse, etc…) para diminuir o extravasamento de sangue, consequentemente, diminuir edema e hematoma.
-Após uma corrida ou qualquer exercício físico intenso, para diminuir edema e dores musculares e articulares.
-Tendinites
Compressa Quente:
-48 horas após algum trauma, para aumentar o fluxo sanguíneo local e reabsorver o edema e hematoma
-Infecções de pele (espinhas, furúnculos, etc..)
-Unhas encravadas
-Contraturas musculares como torcicolos.
-Lombalgias
Entrar em contato
Mensagem enviada. Entraremos em contato com você em breve.